Sábado, 26 de Setembro de 2020

Web TV

Fan Page






Últimas Notícias

Últimas Notícias
Com mais 30 mortes e 677 casos de Covid-19, PE chega a 8.085 óbitos e 143.165 confirmações
ALTERNATIVA FM em 23/09/20

Com mais 30 mortes e 677 casos de Covid-19, PE chega a 8.085 óbitos e 143.165 confirmações

Entre os novos confirmados, 29 são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave e os outros 648 são pacientes com quadro leve da doença, segundo Secretaria de Saúde.
Pernambuco registrou, nesta quarta-feira (23), mais 677 casos de pessoas com a Covid-19 e 30 mortes relacionadas à doença, elevando o total de confirmações do estado para 143.165 diagnosticados com o novo coronavírus e 8.085 mortes
Dos novos casos confirmados pela Secretaria Estadual de Saúde, 29 são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e os outros 648 são leves, ou seja, pacientes que não precisaram ser internados. Ao todo, Pernambuco tem 26.125 graves já registrados e 117.040 leves.As 30 mortes confirmadas nesta quarta-feira (23) ocorreram desde o dia 11 de maio. Uma delas ocorreu na terça-feira (22) e outras três, na segunda-feira (22). Seis foram de pacientes que morreram entre os dias 5 e 19 de setembro. Os outros 20 registros foram de óbitos ocorridos entre 11 de maio e 27 de agosto.
Outros detalhes epidemiológicos devem ser repassados até o fim do dia pela Secretaria Estadual de Saúde.




Comentários


PRESO EM BEZERROS, ELEMENTO QUE É ACUSADO DE EXECUTAR O COMERCIANTE AGRESTINENSE “LUCIANO DO TOMATE” EM ABRIL NA CEACA EM CARUARU
ALTERNATIVA FM em 17/09/20

PRESO EM BEZERROS, ELEMENTO QUE É ACUSADO DE EXECUTAR O COMERCIANTE AGRESTINENSE “LUCIANO DO TOMATE” EM ABRIL NA CEACA EM CARUARU
A Polícia Militar prendeu em Bezerros, Jefferson Geová da Silva, vulgo “Feferson” de 27 anos, que é acusado de ter assassinado na Ceaca – Central de Abastecimento de Caruaru, o comerciante, Luciano José de Souza, que era conhecido como “Luciano do Tomate” de 36 anos, que foi morto a tiros em frente ao seu estabelecimento no dia 28 de abril deste ano.
“Feferson” é tido pela Polícia Militar como elemento de altíssima periculosidade, inclusive numa das vezes que foi preso trocou tiros com policiais militares, tendo baleado um dos PMs.
Havia um Mandado de Prisão Preventiva em aberto contra o imputado, que foi submetido ao exame traumatológico e em seguida foi recolhido á Penitenciária Juiz Plácido de Souza em Caruaru.



Comentários


PF cumpre mandado de busca e apreensão de documentos em Agrestina
ALTERNATIVA FM em 10/09/20

Na manhã desta quinta-feira (10), a Polícia Federal, com o apoio 

da Controladoria-Geral da União-CGU, está cumprindo mandado 

de busca e apreensão de documentos na Prefeitura de Agrestina, no Agreste de Pernambuco. Durante a operação, o prefeito e o vice-prefeito 

do município foram presos.

Essa é a terceira fase da Operação Pescaria, com o propósito 

de dar continuidade às ações repressivas iniciadas no ano de

 2018 para desarticular uma Organização Criminosa especializada

 no desvio de recursos públicos.

Segundo a Polícia Federal, a investigação que culminou com a 

deflagração da Operação Pescaria 3, mira a lavagem dos lucros 

ilicitamente auferidos pela organização criminosa, levada a cabo 

por meio da utilização de conta bancária de titularidade de um

 “laranja” vinculado ao grupo. Esta conta bancária servia aos 

investigados para o recebimento de transferências bancárias e 

depósitos em espécie, estes na maioria em valores baixos e sem a identificação da origem, realização de saques de valores vultuosos, bem como, 

também, para a utilização de títulos de crédito ao portador 

(cheques) assinados em branco, tudo com o propósito de dificultar

 a identificação da origem criminosa do dinheiro.

A Polícia Federal cumpriu cinco mandados de prisão preventiva, 

13 mandados de busca e apreensão em endereços residenciais 

e comerciais, além de mandados de afastamento de funções 

públicas dos ocupantes de cargos na administração municipal de

 Agrestina, além de mandados de afastamento de sigilos bancário 

e fiscal dos investigados, todos expedidos pelo Tribunal Regional 

Federal da 5ª Região.

As duas fases que antecederam a Operação Pescaria 3 foram 

deflagradas respectivamente em fevereiro e março de 2019. 

Os crimes investigados na atual fase da operação são de 

organização criminosa, peculato, falsidade ideológica e lavagem 

de dinheiro.

fonte G1 pernambuco 


DETALHES NA PROGRAMAÇÃO DA ALTERNATIVA FM 




Comentários





No Ar


Nenhuma programação cadastrada
para esse horário




Vídeo

(81)9 9707 5005

Publicidade Lateral
Estatísticas
Visitas: 72479 Usuários Online: 36


Horóscopo
Parceiros

Copyright (c) 2020 - ALTERNATIVA FM - Todos os direitos reservados